Bem vindo ao CanalNoite A Sua Noite Passa por Aqui + de 20 anos no ar

Want to Partnership with me? Book A Call

Popular Posts

Dream Life in Paris

Questions explained agreeable preferred strangers too him her son. Set put shyness offices his females him distant.

Hot

Categories

Edit Template

Analfabetismo cai, mas atinge 7% dos brasileiros acima dos 15 anos, diz IBGE


Dados do Censo Demográfico de 2022, divulgados nesta sexta-feira (17), mostram que 7% dos brasileiros acima de 15 anos não sabem ler e escrever um bilhete simples, isso corresponde a 11,4 milhões de pessoas. No Censo 2010, a taxa de analfabetismo era de 9,6%.

Em 1940, quando se iniciou o Censo, esse número era de 56%. Ou seja, percebe-se uma redução progressiva da taxa de analfabetismo no país com o passar das décadas.

Veja a taxa de analfabetismo de cada Censo:

  • 1940: 56%
  • 1950: 50,5%
  • 1960: 39,6%
  • 1970: 33,6%
  • 1980: 25,5%
  • 1991: 20,1%
  • 2000: 13,6%
  • 2010: 9,6%
  • 2022: 7%

Taxa de analfabetismo é maior entre indígenas:

Segundo o Censo, indígenas têm a maior taxa de analfabetismo, com 15,1% do grupo sem saber ler ou escrever. Esse número representa 10,1% na comunidade preta e, 8,8%, na parda. As pessoas de cor branca e amarela tiveram as menores taxas de analfabetismo, 4,3% e 2,5%, respectivamente. Ou seja, as taxas de analfabetismo de pretos e pardos são mais que o dobro das dos brancos, e a de indígenas é quase quatro vezes maior.

Taxa de analfabetismo por região:

O analfabetismo na Região Nordeste continuou sendo o dobro da média nacional. A região registrou 14,2% de pessoas analfabetos no Censo de 2022, a média nacional é de 7%. Em 2010, as taxas eram, respectivamente, 19,1% e 9,6%. É a região com a taxa de analfabetismo mais alta do país.

Depois do Nordeste, vem a região Norte, com 8,2% da população analfabeta. Na região Centro-Oeste e na Sudeste, esse número é de 5,1% e 3,9%, respectivamente. A Região Sul continuou com a menor taxa de analfabetismo, com 3,4% em 2022.

Por unidade da federação, as maiores taxas de analfabetismo foram registradas em Alagoas (17,7%) e no Piauí (17,2%). As menores foram registradas em Santa Catarina (2,7%) e no Distrito Federal (2,8%).

Em relação à taxa de analfabetismo pelo tamanho do município, o número foi abaixo da média nacional somente nas cidades acima de 100.000 habitantes. As maiores taxas foram encontradas no Nordeste, que reuniu 22 dos 25 municípios selecionados. As maiores taxas estão nas classes de até 10 mil habitantes, todos do Piauí.



Fonte da Notícia

Share Article:

Considered an invitation do introduced sufficient understood instrument it. Of decisively friendship in as collecting at. No affixed be husband ye females brother garrets proceed. Least child who seven happy yet balls young. Discovery sweetness principle discourse shameless bed one excellent. Sentiments of surrounded friendship dispatched connection is he. Me or produce besides hastily up as pleased. 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Edit Template

© 2024 Criado em 2004