Bem vindo ao CanalNoite A Sua Noite Passa por Aqui + de 20 anos no ar

Want to Partnership with me? Book A Call

Popular Posts

Dream Life in Paris

Questions explained agreeable preferred strangers too him her son. Set put shyness offices his females him distant.

Hot

Categories

Edit Template

Xi Jinping discutirá guerra na Ucrânia em última parada na Europa


Soldados húngaros a cavalo se juntaram ao presidente Tamás Sulyok nesta quinta-feira (9) para dar as boas-vindas ao líder chinês Xi Jinping no Castelo de Buda, em Budapeste, na terceira e última parada da primeira viagem à Europa de Xi em cinco anos.

A Hungria, sob o comando do primeiro-ministro nacionalista Viktor Orbán, tem se tornado um importante parceiro comercial e de investimentos da China, em contraste com outros países da União Europeia que estão considerando reduzir sua dependência em relação à segunda maior economia do mundo.

Xi chegou a Budapeste na quarta-feira (8), após visitar a França e a Sérvia. Em Paris, o presidente francês Emmanuel Macron e a chefe da Comissão da UE, Ursula von der Leyen, o pressionaram a garantir um comércio mais equilibrado com a Europa e usar sua influência sobre a Rússia para acabar com a guerra na Ucrânia.

Xi “tem desenvolvido amizades profundas” com políticos húngaros e a Hungria é “o alvo número um na região do centro-leste europeu para investimentos chineses”, escreveu Xi no jornal húngaro Magyar Nemzet na quarta-feira.

Xi encontrará Orbán ainda nesta quinta-feira, com a guerra na Ucrânia e projetos de infraestrutura no topo da agenda.

A Hungria e a China, que comemoram seu 75º ano de relações diplomáticas, também devem assinar de 16 a 18 novos acordos de cooperação, um dos quais pode ser um projeto de infraestrutura de grande escala dentro do enorme projeto chinês da Nova Rota da Seda, disse o ministro das Relações Exteriores húngaro, Peter Szijjártó, nesta semana.

Veículos de imprensa informaram que Xi e Orbán podem viajar para a cidade de Pecs, no sul do país, para anunciar que a chinesa Great Wall Motor construirá uma fábrica e produzirá veículos elétricos no local.

Szijjártó negou que os dois líderes viajariam para Pecs em uma declaração na segunda-feira (6), mas disse que “havia negociações em andamento com grandes empresas chinesas sobre novos investimentos”. O governo não respondeu a um pedido de comentário sobre as reportagens da imprensa.

Orbán começou a aproximar seu país de Pequim depois que chegou ao poder em 2010. As relações políticas calorosas se transformaram em investimentos cerca de uma década depois, quando os fabricantes de baterias e veículos elétricos começaram a levar sua produção para a Hungria.



Fonte da Notícia

Share Article:

Considered an invitation do introduced sufficient understood instrument it. Of decisively friendship in as collecting at. No affixed be husband ye females brother garrets proceed. Least child who seven happy yet balls young. Discovery sweetness principle discourse shameless bed one excellent. Sentiments of surrounded friendship dispatched connection is he. Me or produce besides hastily up as pleased. 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Edit Template

About

Appetite no humoured returned informed. Possession so comparison inquietude he he conviction no decisively.

Recent Post

  • All Post
  • Arte e Lazer
  • Cultura
  • Destaque
  • Educação
  • Esportes
  • Futebol
  • Novidades
  • Sem categoria
  • Social Media
  • Sports
  • Videos

© 2024 Criado em 2004